Ilustradas

Maria José Jereissati e Ília Almeida, que formou no primeiro escalão Iguatemi.

Sem sucessão

Entrevista com o governador Ademar de Barros, em casa de um Mont’Alverne em Sobral, cujo nome se foi na aragem do tempo.

Primeira página

Sim, é Verdade, coronel Eudório Fernandes chamando a atenção do Vicente Alencar pra palpitante matéria de capa do Vida & Arte de O POVO do último sábado, by Emmanuel Montenegro. Sim, é Verdade, e por falar em Aguanambi, depois de amanhã, grande José Raymundo Costa atingiria 102. Sim, é Verdade, desembargador Ernani Barreira e presidente da Academia de Cinema Régis Frota, com Aurila, em altos papos sextafeirinos, À Leste do Éden. Sim, é Verdade, A Morte de Cabeleira, de Quintino Cunha, fazendo 120, agora, 2022. Sim, é Verdade, partícipe muito bem-vindo do almoço da Unidos do Natal, dr. Sálvio Pinto, sempre de Leila, fez primeira aparição dominical do Ano Bom no Don Pepe.

Sem sucessão

Receber, em minha cobertura, Luiz Severiano Ribeiro Júnior, herdeiro da maior cadeia de cinema do país.

Sem sucessão

Criação da Medalha Albanisa Sarasate para o Jornal O POVO, agraciados, até hoje, Antônio Martins Filho, Virgílio Távora e líder lojista Freitas Cordeiro.

Palpite

O prazer de fazer o bem é maior que o prazer de receber. (Epicuro)

Sem sucessão

Conhecer Walter Clark, ainda comandando TV Globo, num jantar que Edson Queiroz me ofereceu, na Osvaldo Cruz.

Sem sucessão

Com futuro presidente Sarney e colunista paulista Tavares de Miranda, me tornei hóspede do Hotel Glória sem dispender viva prata.

Primeira página

Bom de Saber - Edyr Rolim: Os dois maiores anfitriões do Ceará são Edson Queiroz e Lúcio Brasileiro. Itamar Espíndola, advogado desaparecido: Inteligente somos nós, ele cria, tem talento. De Nadir Saboya, quando lhe perguntei qual melhor papo do Ceará: Você mesmo. De Hilário Macêdo, à filha Tilinha: Esse moço faz bem a qualquer roda, é um animador. De Luís Campos, meu pai: O mais importante é que nunca me decepcionou. E esta foi Paco que escreveu pra Lurdes Gentil, após partida do José Martins: Agora, só fiquei EU.

Sem sucessão

Cardeal Dom Aloísio Lorscheider, no Arcebispado de Fortaleza.