Palpite

Temos um único dever, sermos felizes. (Denis Diderot)

Primeira Página

EDILMO CUNHA PUXOU ESCOLA NA AVENIDA. A varanda leste, levando para o sul, quer dizer, lado das dunas, dominada pela Banda Mel, enquanto, pro lado do mar, Fernando Cirino, Beto Studart, Antenor Barros Leal entrelaçavam helicopterianos. Ex-Quase-Tudo Lúcio Alcântara representava aqueles que um dia governaram, porém não era o único da imortalidade médica, pois tinha também o dr. Sálvio Pinto. Rui Dias, sempre bem-vindo, encontrou pouso na mesa de José Guedes e Neto Galdino. Jardson Cruz, pelos presidentes das grandes agremiações sociais, enquanto Guedes Neto, pelos exs. Dão Cabral efusivamente saudado e Osler Machado, idem. Cristãos novos, Paulo Carapeba e Evandro Pedro Pinto, que chegaram e saíram juntos. Cláudio Targino, logo chegando, divisou sua preciosa Colonial Tradição na mesa das cachaças. Kalu Neto Brandão e Chiquinho Aragão infundiam só alegria, em trazendo o cunhado Maurício Leal. Os Belchior bisaram, ocupando o mesmo local que foi deles, da última vez. João de Deus Costa Lima e aquela velha história da aristocracia da laranja que amargando virou mel. Nereu Aguiar e Antunes Mota reinavam generosamente em seus respectivos espaços, pimenta e queijo. Uma das estreias mais imortais, a do vice-presidente da Cearense de Letras, Juarez Leitão, provavelmente o único que não bebeu. Assis Antero dava guarida ao colega Aluysio Aderaldo, vindo especial do Rio. Os líbanos-brasileiros tinham Jorge, pelos Ary, e Cisninho Cysne, pelos Jereissati. Pela decana Associação Comercial, aquela do Palace Hotel, do Passeio Público, João Porto Guimarães. Uma grande figura dos anais fazendários, do nível Gabriel Lopes de Aquino, Ivan Lima Verde. Paulo Sérgio recebia dois representantes do prefeito Naumir Amorim, da Caucaia, Daniel Cavalcante, do Planejamento, e Pedro Alves de Sousa, da Casa Civil, aos quais se juntou, posteriormente, deputado-secretário Maurinho Benevides. Tales Sá Cavalcante trouxe Fernando César de Brasília e prof. Eriberto, um dos seus do Farias Brito. Grande amigo de meu pai, Natalício, o deputado Furtado Leite, recordista de seguidos mandatos federais, mandou dois lá de cima, os genros Antônio dos Santos e Paulinho Cruz. Dos fiéis pioneiros cumbucanos, Leopoldo Vasconcelos e Manoel Milfont, com filho Ramiro. E por falar em filho, Rubens Studart empunhava, mais uma vez, o nominado.

Comportamento

Os Bloch, que vieram da Ucrânia e se estabeleceram na zona norte do Rio, eram gráficos de origens muito precárias, que foram crescendo até produzir a revista Manchete. Sua educação era bastante rudimentar, a ponto de usarem as próprias mãos para comer, dispensando os talheres. Os irmãos brigavam muito entre si e se atiravam máquinas de escrever uns nos outros.

Vã filosofia

Locutores de solenidades oficiais martelam erradamente, “queremos agradecer a presença das autoridades civis, militares e eclesiásticas”. Acontece que não existe especificamente autoridade eclesiástica, o bispo, por exemplo, é uma autoridade civil, pelo simples fato de que não se trata de uma autoridade militar. Assim, para efeito de saudação, as autoridades ou são civis ou são militares.

Lei da compensação

Pobre não precisa achar, quando aparece algum pretendente à mão da filha, que o cara quer tirar uma casquinha na grana do futuro sogro.

Conexão internacional

Quando Ibrahim Sued e Jacinto de Thormes empalmavam a liderança do colunismo social no Rio, a revista Time, se reportando sobre a refrega entre os dois, estabeleceu que “Jacinto de Thormes, sim, é gente bem, porém Ibrahim entrou pela porta da cozinha”.

Ilustradas

Padres Moésio e Fernando Pontes e sua anfitriã secular, Regina Josino, no Cine Pedra da Costa do Cumbuco.

Ilustradas

Ricardo Caminha, Geldo Machado, Marcelo Feitosa, no palpitante confra da Unidos do Natal.

Primeira Página

Neste sábado, 7 de dezembro, São Luís regozija pelo que sua sociedade reúne de melhor. Por justa causa, em se tratando, no caso, de realçar os 50 anos batentais do Pergentino Holanda. Um dos raros sobreviventes do velho estilo que tantos consagrou no passado. Acontecerá no Palazzo, na Avenida São Paulo, e nem foi preciso pedir rigor, que está mais ou menos subentendido. Pois toda ocorrência envolvendo PH será sempre um gala, seja qual for a indumentária solicitada.

Trevistinha

Qual a maior invenção da humanidade moderna, o tênis, o celular, a calça jeans? Corta todas três, a maior criação do século passado é a sandália havaiana.