Apanhado

A Medalha da Abolição foi criada pelo grande Virgílio Távora, em seu primeiro governo, tachado de Redentor, para laurear um ou, no máximo, dois. Passando desse limite, honraria maior do Estado será lamentavelmente aviltada.

Apanhado

Como braço de Castelo e, sobretudo, Geisel, general Golbery fez muito bem ao país e um grande mal, torpedear candidatura de Carlos Lacerda à presidência com sua ideia de se eleger um projeto, não um homem, resultado foi ter de engolir despreparado Costa e Silva que o odiava.

Apanhado

Sabedora de que não há salvação pro terror que assola o país sem a promulgação da pena de morte, a classe média só pede ao Congresso abertura do plebiscito.

Apanhado

Tanta gente morrendo indefesa nas ruas e matas brasileiras, e ainda aparece quem se declare contra a pena de morte. Em verdade, eu vos digo, para acabar com o terror bandido que assola o país, só a pena capital.

Apanhado

Coube a este repórter situar corretamente lugar ocupado pelo coronel Humberto Bezerra no governo do irmão. Vice não foi, porque o vice era Waldemar de Alcântara, e Secretário de Assuntos Municipais não reflete bem o poderio que ele usufruiu. Assim, batizei de Co-Governador, pretendendo significar aquele que dividiu com Adauto os destinos do Estado.

Apanhado

Pena de morte é tão necessária à sobrevivência da humanidade, que não me acanho em dizer que vale a pena matar mil para salvar um milhão.

Apanhado

Permanecendo contra a pena de morte, a Igreja simplesmente se põe do lado contrário ao direito de viver, o que não é cristão.

Fala o criador

Coluna batizou e agora este blog, Quinta Avenida, as administrações estaduais de Virgílio Távora de Veterados, que, por sinal, ele próprio adotou, nos pronunciamentos televisivos. Claro está que o I, Governo da Redenção, muito acima do segundo, quando o mal que o matou já iniciava suas manifestações.

Apanhado

Três governadores figuram encabeçantes lista dos mais votados deputados. Pela ordem cronológica, Virgílio, Adauto e Ciro Gomes. Foram épocas distintas, porém me parece que Ciro lideraria uma pesquisa quantitativa ou mesmo comparativa.

Apanhado

Devo o Brasileiro de meu nome ao Luís Campos, que se baseou no então vice-presidente da Gazeta, Antônio Brasileiro, o único dos diretores que se manteve contra o jornal abrigar uma coluna social. Quanto ao Lúcio, devo ao publicitário Heitor Costa Lima, que sugeriu ao Luís, surgindo, assim, Lúcio Brasileiro, que já fez 63 anos.