Desta água…

... não beberei. Pedir aval ou dinheiro emprestado, porque o pouco que tenho, se não dá pra luxo, muito menos pro lixo, e consigo ir levando, até mesmo porque são modestas as pretensões.

Desta água…

... não beberei, tentar botar qualquer pessoa pra baixo, com algum comentário desagradável. Nem que se trate de um inimigo, que, por sinal, não tenho.

Desta água…

... não beberei. Viajar pra ver Copa do Mundo. Estive em duas, Argentina e Espanha, porém o futebol de hoje em dia perdeu muito do velho charme, vivou quadrado, sem graça, com os lances se repetindo durante a partida.

Desta água não…

... beberei. Pedir aval ou dinheiro emprestado, porque o pouco que tenho, se não dá pra luxo, muito menos pro lixo, e consigo ir levando, até mesmo porque são modestas as pretensões.

Desta água…

... não beberei, tentar botar qualquer pessoa pra baixo, com algum comentário desagradável. Nem que se trate de um inimigo, que, por sinal, não tenho.

Nunca, nunquinha

Comparecer a reunião social em Fortaleza, que é terra de muro baixíssimo, todo mundo querendo derrubar todo mundo.

Desta água…

... não beberei, cheirar pó, pois o álcool fermentado, cerveja ou vinho, já me inspira o suficiente para proporcionar alegria nas rodas.

Desta água…

... não beberei, tomar banho no Atlântico, a meu ver, o mais indigesto dos oceanos, onde as ondas indiciam que podem quebrar o nosso pescoço. Agora, no Mediterrâneo, ontem, hoje e sempre.

Desta água…

... não beberei, Cartão de Crédito, até já me ofereceram, mas como sou profundamente distraído, iria fatalmente perder e poderia dar um bode maior do que o conforto de possuí-lo.