Apanhado

Politica cearense deu quatro Walter Cavalcante. Em 1950, elegeu federal Walter de Sá Cavalcante, que não concluiu o mandato, perecendo com tumor na cabeça. Walter Bezerra de Sá, também eleito em 50, que perdeu em 54, Walter Cavalcante Sá, que foi vereador, deputado estadual e secretário municipal. Walter Cavalcante, vereador e deputado, ainda hoje em exercício.

Apanhado

Dona Olga Barroso se desentendeu com o governador que assumia, Virgílio Távora, na véspera da posse, pois a ainda primeira-dama achou pouco o legado destinado ao partido do seu marido, o PTN, a Pasta do Trabalho, muito pouco expressiva. Dona Olga criou um problema, e essa foi a razão pela qual fui chamado para organizar o banquete de posse, pois ela não quis mais tomar a frente.

Apanhado

Quando eu o entrevistei na televisão, Aécio de Borba respondeu assim a “qual o seu favorito, se Virgílio Távora, na vida pública, ou Walder Ary, na vida privada”: Você me encalacrou, pois ambos foram excepcionais, e deles só tenho recordações alvissareiras.

Apanhado

No Rio, flagrei algumas vezes, no modesto apartamento da Princesa Isabel, Aécio de Borba despachando com Virgílio Távora, na formulação do governo que ia assumir, e exerceu duas Secretarias, Planejamento e Obras.

Apanhado

Tive três editores no Jornal do Bonaparte, que só durou nove meses, tempo de uma gestação: Ary Cunha, Alencar Monteiro e Carlos D’Alge, que foi quem me contratou e permaneceu de abrir a fechar.

Apanhado

Do grande José Raymundo Costa, quando, alegando que no Corinthians Rivelino ganhava bem mais que os outros jogadores, eu solicitava um aumento: Acontece que eu não sei quem é o Rivelino de O POVO.

Apanhado

Estou prestes a fazer 40 de Hotel Colón de Barcelona, que é o jardim de minha casa, e onde baixei logo após a Copa de 82, ensejado por Tarcizo Azevedo e Inês Romano, que eram casados na época.

Apanhado

No dia em que o ministro Expedito Machado, que exercia o superministério de Viação e Obras Públicas, na presidência de Goulart, perdeu os direitos políticos, eu estava em seu apartamento e acompanhei o pranto do filho Sérgio. Quando cheguei, em companhia do Aurélio Mota, Dayse acordou o marido, que tirava uma pestana, para descansar do estresse provocado pela expectativa.

Apanhado

Do cearense Armando Falcão, ao ser convidado pelo presidente Geisel para ministro: General, sei perfeitamente que o ministro pode fazer o que queira, menos o que o presidente não quer.

Apanhado

Luiz Severiano Ribeiro Júnior, filho do maior exibidor do Brasil, quando vinha ao Ceará fazia a mais absoluta questão de não visitar nem parentes. Por isso, passei por um choque de alegria, quando seu gerente, Samuel Tabosa, o levou ao meu apartamento, onde nada bebeu, mas curtiu a especialidade da casa, casquinho de lagosta.